Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Saturday, 11 de March de 2017 - portalriomaina@live.com

Tempo

Prefeitura de Criciúma retoma entrega de telhas na Grande Santa Luzia

Prefeitura de Criciúma retoma entrega de telhas na Grande Santa Luzia

“Cheguei em casa e me deparei com telhas quebradas, casa alagada e móveis danificados”, conta o morador do bairro Vila Manaus, Edson França. Residente da comunidade há dez anos, o criciumense integra a lista de moradores afetados pelo temporal que atingiu o Sul do Estado de Santa Catarina no dia 16 de fevereiro. Para atender aos cadastros realizados pela Secretaria de Assistência Social, a Prefeitura de Criciúma distribuiu telhas de fibrocimento às famílias afetadas pela chuva de granizo.

Mais de dez mil telhas foram entregues aos moradores. Somente na quarta-feira e quinta-feira (9), a Secretaria de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana distribuiu aproximadamente 1,5 mil telhas de fibrocimento nos bairros Progresso, Vila Belmiro, Cidade Mineira Nova, Vila Manaus, entre outras localidades. “O telhado ficou destruído. O estrago foi grande, mas o empenho da prefeitura nos auxilia bastante”, comenta França, que recebeu 20 telhas de quatro milímetros.

Duas assistentes sociais coordenaram a entrega dos materiais às famílias cadastradas após mapeamento efetuado pelo Governo de Criciúma. “Retomamos a entrega de telhas para atender as famílias que fizeram o cadastro ainda em fevereiro. Antes de distribuir, percorremos os bairros para checar os moradores que estavam cadastrados, mas não haviam recebido telhas”, explica o secretário municipal de Assistência Social, Paulo César Bitencourt.

Após o temporal, aproximadamente 800 cadastros foram registrados pela Secretaria de Assistência Social em Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), Centros Comunitários, Unidades Básicas de Saúde (UBS) e escolas da rede municipal de ensino. “Buscamos atender o máximo de pessoas. Agimos de imediato para auxiliar as famílias que se cadastraram. O município entregou mais de 5,5 mil telhas e conseguimos 5,1 telhas do Governo do Estado”, destaca o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

Relembre o caso


Devido aos estragos causados pela chuva de granizo, Salvaro decretou situação de emergência de pequena intensidade (nível 1) para agilizar o fornecimento de lonas e telhas aos moradores. O vice-prefeito Ricardo Fabris, com apoio do Serviço Aeropolicial (Saer), sobrevoou os bairros mais atingidos a fim de analisar os danos e solicitar apoio às entidades.

Além da Secretaria de Assistência Social e Secretaria de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana, a Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil de Criciúma (Compdec), o 28º Grupo de Artilharia de Campanha (GAC), e apenados do Presídio Regional de Criciúma, trabalharam para atender às comunidades.

A Prefeitura de Criciúma recebeu mais de dez mil metros quadrados de telhas da empresa Plasson do Brasil, localizada no bairro Linha Batista. Os materiais importados foram entregues aos residentes dos bairros Progresso, São Sebastião, Santo André, Vila Manaus, Jardim União, Nova Esperança, Cidade Mineira e Santa Luzia.

Texto: Jhulian Pereira
Fotos: Jhulian Pereira

GALERIA DE FOTOS