Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Monday, 27 de November de 2017 - portalriomaina@live.com

Esporte

Aluno do Bairro da Juventude é campeão na Paralimpíada Escolar Brasileira

Aluno do Bairro da Juventude é campeão na Paralimpíada Escolar Brasileira

Gabriel Antunes, 12 anos, sempre foi destaque no tênis de mesa do Bairro da Juventude. O menino, que nasceu com uma deficiência física, descobriu na modalidade esportiva uma paixão. Depois de muitos treinos e conquistas, o garoto chegou a 11ª edição da maior competição de jovens de esporte adaptado do mundo. O evento, que aconteceu neste fim de semana, no Centro de Treinamento Paralímpico em São Paulo, consagrou Gabriel como o campeão de tênis de mesa da Paralimpíada Escolar Brasileira 2017. Além de três medalhas de ouro, o atleta ainda trouxe para casa um troféu de competidor destaque.

O atleta é o único da cidade de Criciúma na competição e Santa Catarina foi, pela segunda vez consecutiva, vice-campeã geral das Paralimpíadas Escolares. Os catarinenses somaram, no total, 381 pontos contra 458 de São Paulo, no primeiro lugar.
A alegria de Gabriel era nítida em sua expressão facial. “Não imaginava trazer para casa esse título. Estou muito feliz, só tenho a agradecer a todos que acreditam e me apoiam. Só pude ir para essa competição, pois várias pessoas colaboraram com isso, inclusive meus mestres e o Bairro da Juventude”, revelou.

Conforme uma das técnicas de Gabriel, Narita Goulart, é a primeira vez que ele participa de uma competição nacional, mas sempre compete em eventos municipais e estaduais, sendo eles olímpicos ou paralímpicos. “O Gabriel é dedicado e vem evoluindo muito, seu potencial é enorme. O evento foi de extrema importância para ele, pois treina cinco vezes por semana, sendo que três vezes em dois turnos”, contou a professora.

Para a mãe do menino, Dirlene Antunes, ver Gabriel campeão é uma vitória. “Me orgulho demais dele, apesar de todas as dificuldades, ele nunca desistiu e vem treinando muito para isso, ele é um vencedor”, salientou a mãe emocionada.

Mais de 900 atletas entre 12 e 17 passaram pelas modalidades de tênis de mesa, atletismo, bocha, futebol de 7, goalball, judô, natação, tênis em cadeira de rodas, futebol de 5 e basquete em cadeira de rodas. Além de Narita, que acompanhou o atleta na competição na capital paulista, o garoto ainda conta com os treinamentos de Alexandre Ghizi e Diego Dal Farra, através da Fundação Municipal de Esportes de Criciúma.

Texto: Luana Ferraz Mazzuchelo

GALERIA DE FOTOS