Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
quarta, 01 de outubro de 2014

Claudeir Policarpi

O vereador "faz sozinho" da Santa Luzia!

O vereador Salésio Lima (PDS), que mora na GRANDE SANTA LUZIA, está perdendo a NOÇÃO do seu espaço!

Tenta intimidar com sua "eloquência verbal" (apesar de não saber conjugar os verbos mais simples), algumas lideranças da Grande Santa Luzia e jornalistas. Sem falar na OPOSIÇÃO que vem fazendo ao prefeito Márcio Búrigo (PP), coisa que eu não consigo entender.

Um colega meu, jornalista formado e que mora na área Central de Criciúma, me relatou que foi muito mal recebido e tratado de forma grosseira pelo referido.

Questões de partido político? Acredito que não, até porque suas colegas Tati Teixeira (PSD) e Camila Nascimento (PSD), são muito acessíveis, competentes e trabalham para o povo de Criciúma, pensando na coletividade e não apenas para um pequeno grupo.

Quem esteve na última sessão do projeto “Câmara Te Ouve”, realizada no dia 23 de setembro, no Bairro Santa Luzia, sabe do que eu estou falando.

Como eu já havia falado para o meu mestre e professor, o vereador Silvio Ávila Júnior (PP), é bom o líder do Governo na Câmara, Júlio Cezar Colombo (PP), abrir os "olhos", assim como o prefeito.

Que digam às pessoas que lhes ajudaram a chegar ao Poder, como o secretário adjunto de Estado da Saúde, Acélio Casagrande (quando contribuiu para a finalização do salão de festas da Paróquia Santa Luzia), e a ex candidata à prefeitura de Criciúma, Romanna Remor (que cedeu o seu lugar no legislativo criciumense ao vereador), e depois levou "pedradas".

Aliás, como presidente da Câmara de Criciúma, uma das primeiras atitudes de Lima, foi colocar uma barreira de vidro para separar os cidadãos dos demais vereadores, alegando falta de segurança. Ou seja, em época de eleição ele não tem medo de você, mas quando está lá, nos trata como "bandidos"!

Para algumas pessoas, "quando o poder sobe a cabeça, desaparece o coração"! Depois não adianta ir no altar pregar o amor de Deus, além de pura sacanagem, isso é hipocrisia de pessoas muito baixas, no sentido figurado, é claro!

Na sua fala, durante a última sessão do projeto “Câmara te Ouve”, o dito cujo listou várias conquistas para a Grande Santa Luzia dizendo que ELE, o TODO PODEROSO, tinha realizado. "EU FIZ". NÃO É VERDADE!

Salésio, se não forem os colegas de Câmara aprovarem os teus pedidos, se a comunidade não pedir e te apoiar, se o prefeito ou o governador disser não, NADA acontece meu caro.

Lembre-se: "Uma andorinha só não faz primavera", Aristóteles (384-322 a.C.). Divida os méritos das conquistas. Muitas pessoas te ajudaram e você busca a virtude somente para si mesmo! Seja HUMILDE! Ame as pessoas da forma como você prega para os jovens!

Fui ouvir a opinião dos moradores nas ruas e o que mais se falou foi do “desaparecimento” do legislador e do fato de estar apoiando candidatos que não pertencem à região.

Uma senhora, que por Lei tenho a obrigação de resguardar o seu nome, me disse que na Vila Manaus algumas pessoas se assustaram logo depois de pedirem ao vereador um ônibus para levar amigos e familiares no enterro de um jovem recém falecido, pelo fato de no outro dia, sem respeitar a dor dos entes queridos, ele ter ido pedir votos! Coisa absurda!

Muita gente me ligou e mandou mensagens através do facebook condenado a atitude desse vereador pago com o NOSSO dinheiro e muitos lembraram que 2016 está logo ali!

RECADO para a “vossa excelência”, como gosta de ser chamado: o Jornal Santa Luzia e o Portal Rio Maina não fecharão suas portas, queria o "senhor" ou não! Pode recorrer ao PAPA e a partir de agora, nós moradores, ficaremos observando de perto o trabalho do subprefeito da Grande Santa Luzia, para que injustiças não acorram.

Saiba quais foram as solicitações feitas pela Associação de Moradores do Bairro Santa Luzia

Claudeir Policarpi - Jornalista (JP 4334 SC)